Ir para a página principalvimei.gif (3243 bytes)Retornar para Panacéia

Janeiro 2001
Ano III - nº 29

ORAÇÃO A SÃO SEBASTIÃO

Oração para livrar de muitos perigos, fechar o corpo e quebrar as forças dos inimigos carnais do demônio e aplacar a guerra consumidora, etc.

Oh! meu glorioso mártir São Sebastião! soldado fiel e servo de Nosso Senhor Jesus Cristo assim como vós fostes mártir transpassado e cravado com agudas setas num pé de laranjeira por amor de Nosso Senhor Jeus Cristo filho de Deus vivo e onipotente, criador do céu e da terra.

Eu criatura de Deus imploro a vossa divina proteção perante Deus. Os anjos, santos apóstolos, mártires, arcanjos e a todos que estão na divina presença do Eterno Pai, filho do Espírito Santo.

Imploro o vosso divino auxílio e proteção, que guardai-me e defendei-me dos meus inimigos, andando, viajando, dormindo, acordado, trabalhando e negociando quebrantai-lhe as suas forças, ódio, vingança, furor ou qualquer mal que tiverem contra mim.

Olhos tenham não me vejam; mão tenham não me peguem nem me façam mal nenhum pés tenham, não me persigam, boca tenham, não fale e nem mintam contra mim, armas, não tenham poder de me ferir, cordas, correntes não me amarrem as prisões para mim se abram as portas, arrebentem-se as chaves, esteja eu livre de guerra, o meu corpo esteja fechado contra todo mal que houver contra mim: fome peste e guerra, com o poder de Deus Padre, Deus Filho, Deus Espírito Santo, Jesus Maria José, pela sagrada morte e paixão de Nosso Senhor Jesus Cristo, pelas sete espadas, de dores de Maria Santíssima.

Com o seu divino manto me cubra e encape dos meus inimigos. Eu criatura de Deus fecharei o meu corpo contra todos os perigos, naufrágios, infortúnios e adversidades de minha sorte, com Deus andarei servirei viverei e feliz serei.

Eu criatura de Deus me uno de corpo e alma ao meu redentor, Jesus Cristo perdão de meus pecados, senhor Deus, paz, a minha alma Senhor Deus, lembra-se dasalmas meus pais, amigos parentes e inimigos senhor Deus dai-me saúde e força, valor para sofrer com paciência as fraquezas do meu próximo.

Arrancai e quebrantai de mim os mais pensamentos e fraquezas.

Lembra-te de mim lá no teu paraíso como lembra-te do bom ladrão na cruz do Calvário amém. N. B. Reze três pai-nossos, três creio em Deus Pai e ofereça ao mártir São Sebastião e à Virgem Nossa Senhora das Dores pelas cinco chagas de Nosso Senhor Jesus Cristo, para aplacar a soberba, o ódio, a vingança, a inveja, o crime dos homens, guerra consumidora que assola o mundo inteiro, e fechar o teu corpo e alma contra todos os perigos e as tentações do demônio.

Virtudes Poderosíssimas.

Serão bem-aventuradas e felizes todas as pessoas, homens, mulheres e meninos que consigo trouxerem esta divina oração andando dia ou noite, estão livres dos grandes perigos, presentes e futuros, o seu corpo viverá fechado contra todos os males, e os inimigos não terão mãos nem forças para lhes ofender.

A peste e todos os bichos peçonhentos, cães danados e cobras, não lhes ofenderão.

Com a força desta oração será aplacado o furor da justiça, das injustiças dos maus homens; será aplaca a peste em qualquer lugar: (cidade, vila ou povoação) Será aplacada a ira do inimigo contra si.

Todos que trouxer esta oração consigo, estará isento de perigos, podendo tê-la em casa ou trazê-la consigo em suas viagens por terra e águas, os males afugentar-se-ão de si.

Note: quem trouxer consigo esta oração, seja em segredo (isto é) em suas viagens.

O que não acreditar nesta oração e blasfemar dela, será castigado. O seu corpo será aberto à peste e à guerra e ao inimigo, e seus amigos lhe farão traição.

Com a força desta oração, qualquer mulher estando em perigo de parto será logo aliviada.

Uma pessoa estando com uma grande dor em agonia, botando-a no pescoço será logo aliviada, ou outro incômodo será o mesmo.

Foi aprovada por vários arcebispos e bispos do Brasil e Portugal. Recomendada a todas as pessoas pelo virtuoso e digno sacerdote padre Cícero Romão Batista.

F I M


(ARAÚJO, Alceu Maynard. Medicina rústica)

Topo

Jangada Brasil © 2000